Uma em cada sete mulheres viajará sozinha nos próximos meses As mulheres estão dependendo cada vez menos de amigos ou família gplus

AreaH - Baixe grátis na Apple Store

AreaH - Baixe grátis na Google Play

   

Uma em cada sete mulheres viajará sozinha nos próximos meses

As mulheres estão dependendo cada vez menos de amigos ou família

Confira Também

De acordo com o estudo Sondagem do Consumidor - Intenção de Viagem, do Ministério do Turismo divulgado no final de 2016, 14% das mulheres que pretendem viajar nos próximos seis meses deverão fazer isso sozinhas. Outra pesquisa, esta feita pelo Airbnb internacional, indica que as mulheres brasileiras estão em 2º lugar entre as mais aventureiras do planeta, perdendo apenas para as japonesas, que são as que mais viajam sozinhas pelo mundo.

Ainda no Brasil, segundo a Guichê Virtual, startup líder na venda online de passagens de ônibus, as mulheres são responsáveis pela compra de 55% de todas as passagens vendidas pela empresa. “Percebemos que elas têm feito viagens sozinhas tanto pela opção em de ter um tempo para si própria, como por conta da recorrente necessidade de viajar para trabalhar e estudar. A primeira opção está relacionada com a independência e a segunda, com a vontade de conhecer novos destinos”, afirma Halyson Valadão, dono da Guichê Virtual.

Ainda segundo Valadão, as rotas mais procuradas pelas mulheres são: São Paulo x Rio de Janeiro, Rio de Janeiro x Cabo Frio e São Paulo x Praia Grande. Embora sejam rotas curtas, há muitas ainda que preferem encarar o desafio de viajar para um lugar longe, que nunca conheceram. A paulistana Aline Rodrigues, de 29 anos, é uma dessas mulheres. “Sempre viajo com meu marido, mas o período de férias dele não bateu com o meu. Como ele só vai tirar uns dias, eu terei um restinho de férias sozinha. E pensei, por que não?”, conta. E escolheu Cambará do Sul e outros destinos da Serra Gaúcha para completar o roteiro e viajar sozinha. Cambará do Sul é a porta de entrada de importantes parques nacionais: Aparados da Serra e da Serra Geral. O que surpreende no local são os cânions – alguns paredões têm aproximadamente 900 metros de altura, com 7 km de extensão.

Outra viajante assídua e independente é a também paulistana Rita Antunes, de 33 anos, que, inclusive, compartilha as suas experiências de viagens no blog Andanças Trip. “Decidi compartilhar algumas andanças com o objetivo de incentivar as mulheres que nunca viajaram mas possuem o desejo de fazer isto sozinhas”, conta Rita. Um dos seus destinos favoritos é a Região dos Lagos, no Rio de Janeiro. “Búzios, Cabo Frio e Arraial do Cabo são destinos fantásticos cheios de infraestrutura, com natureza exuberante e praias lindíssimas que não deixam a desejar em nada a grandes destinos do mundo”.