Lúpulo pode ajudar a combater o câncer de mama, diz estudo Cientistas descobriram que composto da planta, comumente adicionada à receita da cerveja, pode ter efeitos anti-câncer gplus

AreaH - Baixe grátis na Apple Store

AreaH - Baixe grátis na Google Play

   

Lúpulo pode ajudar a combater o câncer de mama, diz estudo

Cientistas descobriram que composto da planta, comumente adicionada à receita da cerveja, pode ter efeitos anti-câncer

Confira Também

Usado para dar a amargura mágica da cerveja, o lúpulo agora também virou componente fundamental de estudo da medicina, principalmente para oncologistas. Isso porque, segundo uma pesquisa americana, a flor do lúpulo pode conter diversas propriedades medicinais, principalmente sobre o corpo das mulheres. 

De acordo com cientistas da American Chemical Society (ACS), o extrato da planta poderia "ajudar a afastar o câncer de mama", especialmente em mulheres submetidas à terapia de reposição hormonal (TRH), que é normalmente associada ao aumento do risco de câncer de mama e doenças cardíacas, devido ao desequilíbrio hormonal que causam. 

Foi na busca por um novo método de tratamento, que não causasse essa influência negativa sobre o corpo feminino, que pesquisadores conseguiram chegar à planta do lúpulo, rica em fitoestrogênios protetores, que funcionam como uma defesa a essas oscilações hormonais que o tratamento promove no organismo.

Com base nesta informação, uma equipe de cientistas da ACS criou uma espécie de extrato de lúpulo enriquecido, para observar sua efetividade sobre o metabolismo do estrogênio, processo crucial para o desenvolvimento do câncer de mama, e o inseriram em duas linhas de células mamarias diferentes, a fim de medir como elas afetariam esse metabolismo. 

Para a alegria dos cientistas, o resultado foi positivo. "Um composto em particular do lúpulo, chamado 6-prenilnaringenina, impulsionou a via de desintoxicação das células que os estudos têm associado a um menor risco de câncer de mama. Assim, os resultados sugerem que 6-PN poderia ter efeitos anti-câncer, embora sejam necessários mais estudos para investigar essa possibilidade", afirmaram os autores da pesquisa em um comunicado para a imprensa.

O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Brasil, mais de 57 mil novos casos da doença serão diagnosticados até o final deste ano. 

A ideia do lúpulo combater o câncer de mama é uma boa notícia para as cervejeiras de plantão, afinal, não é à toa que brindamos dizendo "saúde".